Árvore de argan e o Pé de Cabra

Eu já tinha ouvido muuuuuuuito falar disso. E Achei bem surreal, na verdade. As cabras sobem lá para comer o fruto do argan.

Árvore de Argan, estrada no Marrocos

Essa árvore possui tronco retorcido e galhos espinhosos, mas tem uma frutinha saborosa e cheirosa, deliciosa para as cabras. E como por ali é clima desértico e possui escassez de alimentos, esses bichinhos sobem no topo das árvores, para fazer suas refeições.

Foto retirada do site Wikipedia

Aí, depois de digeri-la , os animais— expelem as sementes no meio das fezes. Então os artesãos coletam essas sementes para serem prensadas com o intuito de se obter o óleo de argan. O bacana é que as cabras são realmente muito importantes para que ocorra o processo de digestão — e defecação — para facilitar (e muito) a extração desse óleo. Pois sem a cabra as pessoas é que precisariam subir nessa árvore espinhenta para pegar os frutos… Ah, e as cabras não se ferem com os espinhos, pois tem um couro bastante duro.

Essa árvore é famosíssima, conhecida como “ouro marroquino” ou “árvore da vida” pelos povos nativos do norte da África, ela cresce apenas no sudoeste do Marrocos, ou seja, por aqui. Por ser uma espécie rara, a “Floresta de Argan” foi declarada uma Reserva Internacional da Biosfera pela Unesco em 1999.

No início, seus frutos eram usados por seus inúmeros benefícios a saúde de maneira rústica. Os frutos dão um óleo que serve pra um monte de coisa: combater assadura em bebê, proteger do sol, tratamento de acne, prevenir rugas e estrias, tratar reumatismos, etc. Além disso, até hoje é usado na culinária típica do Marrocos. A diferença entre o óleo usado na cosmética e o usado na alimentação, é que o primeiro óleo é extraído das sementes cruas, e o segundo são torradas antes da extração.

As sementes de Argan. Foto tirada em uma loja de cosméticos em Essaouira, Marrocos

E o ocidente descobriu essa maravilha e agora produz dezenas de artigos para cabelo com argan na fórmula.

Meu óleo de Argan puro que eu comprei no Marrocos está quase acabando.

Como chegar

Nós viemos de Marrakech rumo a Essaouira, e avistamos as árvores da própria estrada.

Dá uma olhadinha à esquerda. Tá vendo as cabras?

Elas estão próximas ao vilarejo de Ounagha que faz parte da província de Essaouira.

A aldeia encontra-se na estrada entre Essaouira e Marraquexe, 25 km a leste da primeira e 165 km a oeste da segunda.

Pesquisando na Internet alguns dizem que isso é uma farsa, que são os próprios moradores, à procura de pegar dinheiro de turista, colocam as cabras em cima das árvores. Já a minha opinião é: realmente essas cabras fazem isso. A gente vê elas subindo até galhos mais altos e ficam bem à vontade por lá, comendo as frutinhas. Acredito que seja da natureza delas. Mas também não duvido que homens levem elas até lá para atrair turistas. De qualquer forma, quando a gente chegou nas árvores realmente havia em volta algumas pessoas querendo dinheiro pela situação. Ficamos um pouco receosos e fomos embora logo.

É um passeio bem bacana. Recomendo passar por lá e tirar a sua própria conclusão sobre o pé de cabra.

África Marrocos

1 comentário Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Travel Around the World

Vem descobrir o Mundo connosco...

CONTO EM DETALHES

Crônicas, histórias, poesias e percepções.

Elizabeth Werneck

Um blog para falar sobre viagens e outros assuntos

WordPress.com

WordPress.com is the best place for your personal blog or business site.

%d blogueiros gostam disto: