Sobre Aruba: “UNA ISLA FELIS”

Acabamos de voltar de Aruba, e na viagem descobrimos que o slogan da ilha é: Aruba, One Happy Island’. Em português quer dizer ‘Uma ilha feliz’, mas preferi escrever o título em papiamento, que é a língua oficial (junto com o holandês).

Localizando o país:

Aruba faz parte do ABC caribenho (Aruba, Bonaire e Curaçao). Localiza-se a pouco mais de 20 km do litoral da Venezuela e tem como outros vizinhos Curaçao, e Bonaire, além de outras ilhas Caribenhas. Sua capital chama Oranjestad.

Quem achou Aruba nesse mapa? Imagem retirada do site https://www.nationsonline.org/oneworld/map/Caribbean-political-map.htm

Um pouco da História de Aruba:

O país tem um passado multicultural, e é refletido na culinária, na arquitetura, no artesanato, nas tradições e no povo caloroso e simpático.

Aruba começou como um entreposto de pesca dos ameríndios e mudou de mãos entre espanhóis e holandeses através dos séculos, sendo atualmente um país constituinte do Reino dos Países Baixos.

Moinho típico Holandês com vegetação caribenha. Vista da Palm Beach

Os Primeiros Habitantes dessa ilha foram os índios Caquetios da tribo Arawak da Venezuela, durante o período pré-cerâmico, 2500 a.c. – 1000 d.c.. Esta tribo seminômade pescava, caçava e colhia o alimento, dependendo do mar para sobreviver, nas áreas costeiras hoje conhecidas como Malmok e Palm Beach.

Homenagem carnavalesca aos índios da ilha no Aeroporto Internacional de Aruba

Atualmente na ilha, encontramos desenhos e esculturas rupestres feitos pelos índios, na Fontein Cave no Arikok National Park e na Formação Rochosa Ayo.

Pintura rupestre. Imagem retirada do site http://www.arubanationalpark.org/main/culture/

Os índios Caquetios estavam na ilha quando ela foi invadida pelos espanhóis.

Em 1499 o explorador Alonso de Ojeda chegou em Aruba, iniciando a colonização da ilha pelos espanhóis. 9 anos depois de sua chegada, a Coroa Espanhola o nomeou como primeiro governador da ilha. Em função da pouca chuva na ilha, os colonizadores não acreditavam que Aruba fosse um bom local para plantações e cultivo, então eles enviaram os índios daqui para a ilha Hispaniola (atual Ilha onde fica os países da República Dominicana e Haiti) para trabalhar nas plantações e nas minas de lá. Alguns índios voltaram para Aruba em 1515 e travalharan na criação de gado e cavalos. Aruba permaneceu sob controle espanhol por 137 anos.

A Capela de Alto Vista foi declarada como o local onde a conversão dos índios arubanos para o cristianismo começou. Noord, Aruba

Porém, devido à sua localização estratégica os holandeses quiseram ocupar a ilha em 1636 para proteger seu estoque de sal que estava no continente sul-americano, além de manter uma base naval no Caribe durante a Guerra dos Oito anos com a Espanha.

Detalhe de uma casa em Aruba, com os sapatinhos holandeses. San Nicolas, Aruba

Durante as Guerras Napoleônicas, os britânicos também invadiram e tomaram o controle de Aruba, mas a Holanda o retomou em 1816.

Aruba passou a fazer parte oficialmente das Antilhas Holandesas em 1845.

Artesanato holandês, ou seria de Aruba?

Afinal, Aruba é um país?

Que pergunta difícil, né? O que você considera como país? Leis e moeda próprias? A ONU considerar? Ter time de futebol jogando na Copa do Mundo da FIFA?

Bandeira de Aruba. A cor azul simboliza os céus e águas de azul brilhante encontradas em Aruba, e a estrela vermelha de quatro pontas com uma borda branca simboliza a própria ilha.

Aruba é considerado um Estado Especial, e se separou das Antilhas Holandesas, numa vitória duramente conquistada em 1986. Nesse processo de “Estado Especial”, Aruba obteve um status diferente, de país autônomo no Reino dos Países Baixos. Ou seja, as Relações Exteriores e a Defesa Nacional ainda são controladas pelo Reino mas todos os assuntos internos, incluindo leis, políticas e moeda, são controladas pelo próprio governo de Aruba.

Resumindo: faz parte do Reino dos Países Baixos como a Escócia faz parte do Reino Unido. Ambos os locais eu considero como país, e você? 

Aruba Hoje

Aqui a economia é movimentada pelo turismo, exportação de produtos de aloe vera (um ótimo souvenir daqui, é a nossa conhecida Babosa), refinarias de petróleo e operações financeiras offshore, com um sistema educacional considerado muito eficiente. Em Aruba o índice de desemprego é baixíssimo.

Turismo na Ilha é o carro chefe. Aruba

Aruba tem um dos mais altos padrões de vida na região do Caribe, sendo praticamente uma Holanda caribenha.

Antes de vir pra cá ouvi muita gente falar que Aruba era super americanizada, por causa dos grandes resorts, jogos em cassinos liberados, preferência por alugar um carro em detrimento de transporte público, inúmeras opções de restaurantes, muita estrutura turística, como por exemplo, esportes aquáticos de todo tipo, passeios de barco, mergulho, comércio de alto padrão e muita vida noturna. Aruba é segura e completamente indicada para vir com crianças de todas as idades.

Aruba tem tudo que me agrada: Mar azul-turquesa, sol o ano inteiro e muita animação.

Eu particularmente amo o caribe pelo alto astral das ilhas, misturando cultura e praias paradisíacas.

Baby Beach, San Nicolas, Aruba

Que língua fala-se em Aruba?

Com mais de 90 nacionalidades representadas pela população de mais de 110.000 residentes, o povo da ilha fala um grande número de idiomas, porém os oficiais são o holandês e o papiamento, mas o inglês e espanhol são bem aceitos. Papiamento vem de ”papear”. Atualmente a maioria dos historiadores acredita que o papiamento se originou pela influência da língua portuguesa que era falada pelos escravos vindos de Cabo Verde e Guiné Bissau com as outras línguas que eles tinham contato, como por exemplo, idiomas africanos, espanhol, holandês e inglês. Daí o porquê que a gente consegue entender bem. Diz a história que essa língua só foi criada porque eles não queriam que o colonizador europeu entendesse o que eles estavam falando.

Bem Vindo em papiamento. Tapete no Aeroporto Internacional Rainha Beatriz, Oranjestad, Aruba.

Eu estava num bar em Aruba e o garçom me respondeu em português (dando a impressão que mesmo eu falando espanhol ele teria percebido minha origem), e então comecei a falar português com ele, quando um outro garçom ao lado me disse espantado: Nossa! Você fala papiamento! Hahahaha.

Clima em Aruba e quando ir

Acho que Aruba é o primeiro país que eu escrevo no blog e falo que é bom o ano todo!

Aqui é muito raro chover (clima tropical seco) com temperatura anual de 28º C, com pouca variação na temperatura ao longo do ano.

Vegetação nativa super árida, que não me deixa mentir!

Nós fomos em fevereiro e foi perfeito! Os meses mais frios são Janeiro e Fevereiro, que situa-se com temperaturas entre os 24ºC e 30ºC, enquanto os mais quentes são Setembro e Agosto, que a temperatura varia entre os 26º C e o 32ºC.

A estação considerada chuvosa em Aruba é entre Outubro e Dezembro, mas mesmo nessa época as chuvas não são abundantes. Agora o melhor de tudo: Aruba encontra-se fora dos caminhos dos furacões.

A temperatura do mar é excelente para nadar durante todo o ano, varia entre os 25ºC em Fevereiro e 28ºC nos meses entre Agosto e Novembro.

As definições de paraíso foram atualizadas. Aruba

Como chegar em Aruba

Não existe vôos diretos do Brasil para Aruba. O interessante é que de Amsterdam, que é mais distante, tem. Nós viemos de Avianca num vôo de São Paulo-Aruba com escala em Bogotá (6 horas o primeiro trecho, e 1 hora e 30 no segundo trecho).

Escala no Aeroporto Internacional El Dorado, Bogotá.

Nossos primos vieram de Miami, num vôo direto que durou cerca de 4 horas. Muita gente aproveita para visitar Aruba, Curacao e Bonaire na mesma viagem. Eu já tive a oportunidade de conhecer a paradisíaca Curaçao em outra viagem, e também adorei. Inclusive esse vôo de Curacao (que também fez escala em Bogotá) estava indo para Bonaire, que dizem que é o paraíso dos mergulhadores. As três ilhas são muito próximas entre si.

abc_islands (imagem disponível em curacao-visitor.com)

Quantos dias ficar em Aruba

Palm Beach, Aruba

Nós ficamos os dias do carnaval, mas queria ter ficado pelo menos um dia a mais, pois tinha outros passeios que não conseguimos fazer, como por exemplo, visitar o Arikok National Park. Uma boa opção é, nesta mesma viagem, incluir alguma das outras lindas ilhas de Curaçao e Bonaire.

Onde ficar em Aruba

Aruba tem praticamente três localizações de hospedagem: Palm Beach (onde ficamos), Eagle Beach (praia ao lado) e Oranjestad (capital).

Essa praia tem muitas opções de hotéis, restaurantes e lojas, com preços bem variados. Andando uns 500 metros por aqui tem um animado centrinho, que a gente ia à noite, dar uma voltinha (mas voltava correndo pra jantar no nosso hotel, porque estávamos no modo tudo incluído, hahaha). Mas se você não estiver em “all inclusive” é aqui que você acha boas opções de divertimento.

Em frente ao Giannis Restaurant. A fila estava grande! J.E. Irausquin Blvd 348, Noord, Aruba

Já na Eagle é tão bonita e agradável quanto a Palm Beach. No entanto, à noite não tem o centrinho animado não. Então é provável que se você não quiser pegar um táxi ou carro pra ir pro Boulevard da Palm Beach, ou pro centro de Oranjestad você vai acabar jantando no restaurante dos hotéis que tem por ali.

Árvore chamada Fofoti (nome fofo, né? Rs) em Eagle Beach. Essa árvore é muito famosa pela sua silhueta que aponta na direção do Caribe. Estas árvores estão em várias campanhas publicitárias. O Fofoti é frequentemente confundido com a árvore Dividivi, mas elas não são as mesmas. Foto retirada do site Wikipedia

E por fim, tem também a possibilidade de se hospedar na capital Oranjestad. Existe um hotel super icônico chamado Renaissance, onde tem um ótimo comércio, e o mais legal é que dentro dele existe uma estação de lancha que te leva para uma ilha privativa.

Lancha levando turistas à ilha privativa do hotel Renaissance Mall. Lloyd G. Smith Blvd 82, Oranjestad, Aruba

Nesta ilha existem praias cheias de Flamingos e iguanas. É um passeio que muita gente faz, mas nós não fizemos.

Em Oranjestad está localizado também o Porto de Cruzeiros, então é aqui que você vai descer caso esteja navegando pelo maravilhoso mar do Caribe.

Documentos necessários para visitar Aruba

Nós brasileiros não precisamos de visto para visitar Aruba. É necessário apenas ter passaporte válido por pelos menos 6 meses e certificado internacional de vacinação contra febre amarela. Ah, e se você for pelos Estados Unidos você precisará ter viso americano dentro do prazo de validade.

Vale a pena alugar carro em Aruba?

No primeiro momento decidimos não alugar. Por alguns motivos como, preocupação de ter que procurar estacionamento, gastos adicionais como seguro, ou multas (tudo isso já sentimos na pele em outras viagens). Tivemos essa atitude porque a gente iria ficar num hotel com tudo incluso, de frente para o mar. Ou seja, achamos que não iríamos precisar. No entanto, nossos primos optaram por alugar e foi fundamental para nossa experiência ter sido tão positiva! Com o carro conseguimos explorar bastante a ilha, no nosso ritmo, ou melhor, no ritmo de 3 crianças em diferentes fases da vida. Pensamos até em andar de taxi (inclusive viemos do aeroporto ao hotel de táxi e pagamos cerca de 30 dólares), e tinha também a opções de contratar passeios turísticos, mas, sem carro a gente fica bem limitado para decidirmos as atrações pelo nosso próprio tempo.

Nosso “vehíkulo” (carro em papiamento) de 7 lugares

Achamos Aruba ótima para se dirigir. Com boa sinalização e trânsito tranquilo. A gente usava o Google Maps, mas tínhamos um mapa que ganhamos no hotel. As vezes a Internet caía, então a dica é baixar o mapa offline para sempre estar disponível.

É importante saber que mesmo a ilha sendo considerada pequena (de uma ponta a outra tem pouco mais de 30 km, 50 minutinhos de carro) as distâncias são completamente inviáveis para serem realizadas a pé, principalmente pelo calor escaldante. E não recomendo também ficar andando pelas ruas e estradas. A gente foi do hotel ao centrinho próximo a pé, no final do dia, no pôr do sol e aí sim, foi ótimo.

Andamos até o South Beach Centre, Palm Beach 55, Noord, Aruba. 500 metros de caminhada até aqui

Portanto, recomendamos alugar um carro principalmente se o seu hotel não for “all inclusive”. O legal é que aqui você pode usar sua carteira nacional de habilitação brasileira. O valor da diária do aluguel do nosso carro foi cerca de 100 dólares, mas esse valor varia dependendo do tipo/tamanho do carro. Nosso carro era um modelo com tração nas 4 rodas pois existem na ilha vários lugares que só admitem esse tipo de veículo. A atendente da locadora de veículos deu essa sugestão, então, fica a dica.

Maiores informações sobre transporte na ilha acesse o site Melhores Destinos

Moeda de Aruba

O nome da moeda é Florin de Aruba, mas a gente nem viu direito a cor da moeda porque os cartões de crédito são amplamente aceitos, além de todos aceitarem dólares americanos nas lojas.

Fuso horário

O fuso é de uma hora a menos em relação ao horário de Brasília.

Atrações em Aruba

Escrevi mais sobre Aruba num outro post
Leia aqui sobre nossas atrações visitadas em Aruba

NÃO SE ESQUEÇA DE CONTRATAR O SEGURO VIAGEM!

Faça uma cotação sem compromisso neste link que já inclui o cupom ELIZABETHWERNECK que garante o desconto de 5% na compra do seu seguro viagem!

Acompanhe minhas viagens em tempo real pelo Instagram >>@elizabethwerneck

Se você gosta das dicas do blog, ajude na sua manutenção, reservando seus hotéis e pousadas pelos links daqui. Isso não aumenta em nada o valor da sua reserva e gera um pequeno percentual revertido para o blog 😉

🛏 Pesquisando por hotel? Dê uma olhadinha no Booking.com! Você não paga nada a mais pela reserva, pode alterar e cancelar quando quiser, e ainda consegue os melhores preços.

Américas Aruba

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: