Turismo em Bremen, Alemanha: o que fazer nas cidade das fábulas e lendas

Pegamos um trem na Dinamarca para chegar ao norte da Alemanha.

No trem, rumo a Hamburgo, Alemanha.

Ao longo do percurso vimos paisagens lindas, enormes cataventos (energia eólica), quando a surpresa começou: o trem entrou em um ferry boat para atravessar o mar Báltico, e esta travessia durou cerca de 45 minutos.

As rotas em pontilhado são rotas marítimas, ou seja, não tem ponte, nem estrada!
Olha só o vagão do trem dentro do enorme barco.

Descemos do trem e fomos para o convés.

2 em 1 : Passagem de trem incluído um Cruzeiro Marítimo entre o Mar do Norte e o Mar Báltico!
Almoço no restaurante da embarcação

Foi muito impressionante! A nossa viagem de trem de repente virou um cruzeiro marítimo. Eu não sabia que isso fosse acontecer.

Como dito anteriormente, Bremen está localizada no norte da Alemanha, a apenas 120 km de Hamburgo, a principal cidade da região.

Como chegar em Bremen?

Nós viemos de trem, de Copenhagen, na Dinamarca. E se você estiver no Brasil não tem voo direto, sendo necessária uma conexão, pelo menos. O aeroporto da cidade está localizado a pouco mais de 3 km do centrinho, e recebe voos nacionais e internacionais.

Nós fomos a pé da estação de trem para o hotel, mas do aeroporto o modo mais fácil de ir (e voltar) para o centro é com os bondes BSAG

Encontre aqui sua passagem para Bremen pelo Skyscanner.

Se você já estiver na Alemanha eu acho que vale dar uma pesquisada nas passagens de trem. Confira as passagens de trem no site da Deutsche Bahn. Comprando com um ou dois meses de antecedência você encontra ótimas promoções pra qualquer destino na Alemanha ou em algumas cidades de países vizinhos.

Da capital Alemã, Berlim, são cerca de 400 km, e de Colônia, nosso próximo destino, é um pouco mais de 300 km.

Foto na entrada da Estação de trem de Bremen, Alemanha.

Atenção para o Seguro Viagem

Aproveite sua viagem à Europa sem inseguranças e aproveite todas as experiências que o continente oferece.

Imprevistos em relação a saúde não marcam dia, nem hora. Por exemplo, uma diária hospitalar na Europa pode passar de mil euros, sem contar o preço de uma simples cirurgia.

O blog só recomenda produtos que a gente usa. Acesse aqui as melhores cotações dos seguros com desconto.

Um pouco da história de Bremen Alemanha

Eu adorei saber que Bremen se trata de uma cidade-Estado, assim como Berlim e Hamburgo. Por aqui existe um Porto importantíssimo, onde as águas do rio Weser desaguam no Mar do Norte.

Turismo em Bremen

Fomos da Estação de trem até o hotel, localizado no centrinho, caminhando e percebemos o quanto a cidade é linda, além de manter um clima muito aconchegante, mesmo tendo um dos maiores portos alemães, ou seja, não é uma cidade pequena.

O moinho de vento Herdentorswallmühle (em alemão) fica em um parque na região central de Bremen. Foi construído há mais de cem anos e é uma das atrações principais da cidade alemã. Passeie por aqui.

Ficamos hospedados no Atlantic Grand Hotel Bremen e recomendamos bastante. Simplesmente o melhor de toda a viagem.

Café da manhã maravilhoso, atendimento cordial e ótima localização, no centro histórico. Detalhe para as amenidades de banho que eram tão, mas tão cheirosas que eram comercializadas, portanto compramos e trouxemos para o Brasil.

Foto retirada do site Booking.com.

Interessante é que como o Norte da Alemanha é mais frio, o hotel não possui ar condicionado em todos os quartos. Nós fomos no início do outono, e a temperatura estava super agradável. Mas no alto verão não sei se isso seria um problema.

Vista da nossa janela do quarto do Atlantic Grand Hotel Bremen

Escolha aqui seu hotel em Bremen pelo booking. Você não paga nada a mais e ajuda o blog a se manter.

Alguns pontos turísticos de Bremen:

Praça principal (Marktplatz):

Assim que chegamos nos hotel, deixamos nossas coisas e já fomos em direção à Praça principal (Marktplatz). E por ali vimos a antiga Catedral de São Pedro, com resquícios de construção de 789 d.C.! A catedral é aberta para visitação, e é possivel acessar suas torres para se ter uma linda vista da cidade. Seu interior é rico em detalhes, com obras de arte que datam do século XI.

Ainda na Praça tem também a bela prefeitura em estilo renascentista construída próxima do ano de 1400. Essas datas da Europa sempre me surpreendem.

Na Marktplatz de Bremen. Ao lado esquerdo a prefeitura (patrimônio histórico e cultural da humanidade), e a igreja de São Pedro à direita.

E por aqui vimos inúmeros artistas tocando e cantando músicas clássicas. E apesar de estarmos no início de outubro, não teve como não lembrar de um gostoso clima natalino, inclusive, pra mim, na Alemanha é Natal o ano inteiro.

Logo de frente para a prefeitura existe um outro belíssimo edifício, a Câmara de Comércio de Bremen (Handelskammer). Em sua fachada destacam-se os brasões das cidades com as quais Bremen mantinha relações comerciais (entre elas, Hamburgo e Londres). Ainda hoje a Câmara de Comércio tem um papel de grande importância na economia da cidade.

Portão da Câmera de Comércio, Bremen

Ainda na Praça, em frente à prefeitura encontra-se a famosa estátua do Roland de Bremen.

Este cavaleiro da mitologia européia seria sobrinho de Carlos Magno e representa a independência, proteção e resistência da cidade.

A estátua de Roland, erguida em 1404, é Patrimônio histórico e cultural da humanidade.

Na primeira noite jantamos na cervejaria artesanal Schüttinger Gasthausbrauerei e gostamos muito. Esse restaurante e cervejaria é bem típico e antigo, datado de 1516. Como eu não estava bebendo por causa da gravidez, meu marido achou a cerveja, que é fabricada no mesmo local, ótima. Comida boa, atendimento atencioso, pratos bem servidos, preço justo, um ambiente descontraído, animado e movimentado.


Schuettinger Gasthausbrauerei: End: Hinter dem Schuetting 12/13, 28195 Bremen, Estado de Bremen Alemanha

Os Músicos de Bremen

Logo ao lado da prefeitura estão eles, as “personalidades” de Bremen! Os personagens principais do conto dos irmãos Grimm, “Os Músicos de Bremen”, de 1815, narra a história de quatro bichinhos: um cachorro, um gato, um galo e um jumento, que são maltratados por seus donos, e unidos, decidem fugir para Bremen em busca da liberdade, e se tornam músicos. A história inspirou vários compositores pelo mundo, como por exemplo o italiano Sergio Bardotti que escreveu, já no século XX, a peça teatral que no Brasil, com adaptação de Chico Buarque, veio a se chamar “Os Saltimbancos”.

A cidade toda faz alusão aos “Músicos de Bremen”, ou melhor, aos “Saltimbancos”.

O charmoso bairro Schnoor

Esse bairro é uma antiga vila de pescadores e marinheiros que data do século VIII e ainda conserva muito da arquitetura medieval.

São lindas casinhas, em sua maioria lojas e cafés, respeitando o estilo antigo do bairro.

Em um passeio por seus becos, é possível conhecer mais da arquitetura e do estilo de vida de Bremen na Idade Média.

E aqui em cada portinha era um flash! Se a Europa em geral tem lugares fofos, a Alemanha então, ganha medalha de ouro.

Lojinha fofa

O legal é se perder pelas ruas do centro histórico, mas há uma em especial que é imperdível: a Böttcherstraße, é uma ruela famosa por sua arquitetura, com construções de tijolinhos.

Wallanlagen Park

Muito bonito esse parque. É aqui que tem o moinho, além de uma deliciosa área verde. É um lugar para se passear sem pressa.

Almoçamos no restaurante John Benton Im Becks am Markt.

Situado na esquina da praça principal, onde há muitos turistas, gostei muito da vista pois ficamos próximos à janela.

O ambiente interno é acolhedor, bem decorado e a comida é variada e a especialidade é a culinária típica alemã.

Dicas de compras em Bremen:

A loja de departamento chamada Karstadt Bremen é muito boa para compras. O endereço é Obernstraße 5-33, 28195 Bremen, Alemanha.

Centrinho para compras em Bremen

Foi ótimo conhecer Bremen. Daqui seguimos para Colônia, ainda na Alemanha para finalizar nossa viagem.

Alemanha Europa

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: